Curtas da semana #16

Malhei forte e feio no mamalhal da Raquel. Foram uns valentes 30 minutos de verga entre mamas. Prometo que, da próxima vez, vou passar mais tempo com a mangueira no entrefolhos da magana.

Só um parêntesis [recto, que nunca me esqueço de um bom cu e fiquei ligeiramente enjoado das curvas que me entalaram o caralho]: apenas 25% acertou no verdadeiro mamalhal da Raquel. Trata-se do mamalhal 2.

Conheci uma rata tão gasta que quase engoliu o meu preservativo com sabor a mentol. Ela ficou com o baixo ventre a cheirar a vick vaporub e eu continuei de colhões cheios e uma sensação de vazio ainda maior do que o vácuo que a tipa tem na greta.

As meninas da freguesia não têm imaginação. Estão sempre a dizer-me que tenho um nabo gigante. Esta foi diferente. Disse-me que tenho uma boca santa. E uma mente porca, acrescentei, enquanto lhe enfiava a picha no garganil.


Lamber cricas e fazer música não é para todos. Este vosso amigo já conseguiu pôr uma gaja a gemer algumas notas do "atirei o pau ao gato" só com a língua a passear na passarinha e 2 dedos enfiados no cu.
podes partilhar:

6 comentários:

  1. Só tu para me fazeres rir, kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nem imaginas as coisas que consigo fazer larissa

      Eliminar
  2. Meu buraco é tão apertado que um comedor me disse" Minha filha, vc tem uma cuceta!" Ele ficou com preguiça de dar duas!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tens cona que é uma cuona? nhami. esse preguiçoso merecia uma castigo

      Eliminar
  3. Boca santa? Quero ser santificada! Ahah aha

    ResponderEliminar