até ela se esvair em porra

Imagina que tens 48 horas para fazer o que te der na real gana. Tens 2 opções:
i) comes o máximo de serigaitas que conseguires
ii) ou papas a mais badalhoca de todas até ela se esvair em porra.
Ora, como tenho mais olhos do que barriga, escolhi uma solução intermédia:
iii) comer o máximo de gajas possível nas primeiras 24 horas e papar sem dó nem piedade a melhor delas nas segundas 24 horas.

O primeiro dia começou com a cabeleireira da aldeia. Ela queria fazer "amor devagarinho", mas eu estava com pressa para passar à cona seguinte. Ou seja, pinámos cada um para seu lado. Eu queria dobrá-la em dois e esgalhar o caralho naquele traseiro, ela insistia numa foda tricotada. Ficámos a meio caminho: eu a bombar-lhe o entrefolhos, ela a arranhar-me o costado na esperança que eu moderasse o ritmo. Saiu-lhe o tiro pela culatra e vim-me no exacto momento em que ela guinchava "aguenta só mais um bocadinho, seu cabrão".


A meio da manhã encontrei-me com a cinquentona que é uma máquina de foder. Com essa deu-me para a meiguice. Tinha que poupar porra para a pachacha seguinte. Além disso, ela já não vai para nova. Mamou-me o nabo com tanto carinho que até passei pelas brasas. Acordei com o coiso a latejar, mas tive que me conter porque ela queria que a fizesse vir à pancada. Do tautau resultou coisa boa: um valente orgasmo à cota e uma poupança de sémen aqui para o vosso amigo, que tinha mais uma rata para devorar.

O dia terminou com a brochista que não queria trair o marido emigrado em França. Tirando o facto de usar aqueles casacos compridos cheios de cornucópias e uns vestidos que se assemelham aos cortinados da avó, a Sofia é uma cona do caralho. Gosta de se fazer de difícil, o que me dá tusa-extra, fala pelos cotovelos e fica a pingar quando lhe aceno com a tromba que carrego a meio das pernas. A coisa com esta durou o tempo de um jogo de futebol com prolongamento e desempate por penáltis. É que estava enfeitiçado por aquele clítoris e não descansei até lhe dar a coça que o dito merece.

Agora que as conheces, consegues adivinhar qual delas é que papei nas 24 horas seguintes?
partilha:

8 comentários:

  1. Respostas
    1. foi só uma. tens 33,33% de hipóteses de acertar

      Eliminar
  2. não faço idéia, keridinho!

    ResponderEliminar
  3. Pode se prender o cacete até o máximo possivel. Gostoso para os dois lados.

    ResponderEliminar
  4. O meu voto vai para a brochista que não queria trair o marido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sempre gostei de boas brochistas. gosto das que comem à boca cheia

      Eliminar