Cantigas do bandido #13

Aconselho-vos a ir, pelo menos uma vez na vida, ao entrudo de Lazarim. Fico sempre emocionado com as inconfidências da comadre na leitura do testamento. Reparem na subtileza:

Olá queridas comadres
Olá grandes feiticeiras
Cá estamos mais uma vez
Para vos tirar as peneiras.

Sois todas umas cadelas
Quase me matais de fome
Se não tivesse vergonha
Tratava-vos por outro nome. 

Tende cuidado com o burro
Que ele é abonado
Se a dele não chegar
Tendes aqui mais um bocado.

Hoje em dia as raparigas
São de lhe tirar o chapéu
Se lhes tirarmos os trapos
Ficam com os podres ao léu.

Olá menina Márcia
Condutora de fim de semana
Não sei qual foi a ideia
Da tatuagem na mama.

Já estou farto desta merda
Só me apetece dar um grito
Sois todas umas corrumbeiras
Ide todas levar no pito.

partilha:

2 comentários:

  1. Adorei ler tanto o Testamento da Comadre como o do Compadre. :D
    Beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é tão bonito ver aquelas almas inocentes dizer umas belas caralhadas

      Eliminar