cartas de amor para quem nunca vou foder

Sempre que chega esta altura do ano de afetos com data marcada, vulgarmente conhecida como Dia dos Namorados, fico mais lamechas do que nos dias em que me esqueço de foder. Não parece, mas sou um sacana sensível. Por isso, decidi enviar cartas de amor a 2 conas que nunca vou papar. A elas, doces trambolhos, posso hoje dizer carinhosamente: "Amo-vos!"

Querida mulher-atarracada-e-malparecida-que-brinca-com-a-dentadura,
Quero agradecer-te por nunca ter sido obrigado a falar contigo. Hoje, recordo com carinho os momentos em que te vi atrapalhada com a tacanhez das tuas pernas, orgulhosa da tua pança desproporcional e feliz como uma criança a brincar com a dentadura. Nunca vi mulher tão feia, mas já percebi que tens uma filha, igualmente feia mas ligeiramente menos feia do que tu, o que quer dizer que, no passado, tiveste os dentes todos e uma rata ocupada a procriar. Fico feliz por saber que alguém te ache menos feia do que verdadeiramente és. Obrigado por me lembrares que todas (TODAS!) as mulheres com quem fodi são deslumbrantes comparadas contigo. És bizzarra e, por isso, amo-te!

Querida caixa-de-supermercado-que-troca-os-érres-pelos-guês,
Quero agradecer-te pelo mamalhal absolutamente descomunal que ostentas quando vou comprar Oryza sativa e Lophius piscatorius para fazer o meu famoso arroz de tamboril. Hoje, recordo com carinho os momentos em que revelaste o seu sorriso afável e a tua dislalia profunda. Bem sei que não é um problema neurológico, mas tenho que conter a gargalhada sempre que tentas vender-me os "guebuçados doutôgue Bayaguede". Ainda assim, por amor à tua enorme prateleira, ainda pensei atiçar-te a pachacha. No entanto, imaginei-te a enfiar "o cagalho na gagueganta" e perdi imediatamente a vontade. Obrigado por me lembrares que todas (TODAS!) as mulheres com quem fodi são gatas com ratas e não, como tu, "gatas com gatas". És divertida e, por isso, amo-te!

[continua...]
partilha:

11 comentários:

  1. :D :D rssssss
    cada vez gosto mais de aqui vir.
    é um verdadeiro blog anti-stress.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. amor, então não vens aqui própinanço, vens cá próstress?

      Eliminar
    2. Para o pinanço, não venho de certeza.
      Venho para me distrair. :)

      Eliminar
  2. Ao receberem cartas destas devem ter ficado com a "gata" aos saltos.
    Abraço
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Se um filho da puta me chamar de feia eu mando logo tomar no cú!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. se um filho de uma grande meretriz te chamar feia eu mando-o apanhar no olho

      Eliminar
    2. Se um filho de uma puta te chamar de feia.... eu como o cú dele!!!

      Eliminar
  4. Amigo.. um texto ótimo.... me lembrou um humorista português muito conhecido e querido no Brasil.. o Raúl Solnado!!!!
    És parente dele?????

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. do raúl só tenho 2 coisas em comum: já recebi a visita da cornélia e agarro-me ao zip-zip sempre que vejo uma gaja boa

      Eliminar